Comércio de lixeiras Tel.: 55+ (11) 4726-9810 Email: [email protected]

Containers plásticos para coleta seletiva

Containers plásticos para coleta seletiva.
Grande linha de cores e produtos Container, carro cuba, carro coletor, contentores de lixo

Containers plástico s/ pedal 660 litros

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo cont700 sem pedal, 660 litrosMais Informação

Contentor s/ pedal 120 litros

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo eco120s, sem pedal 120 litrosMais Informação

Contentor s/ pedal 240 litros

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo eco240s, sem pedal 240 litrosMais Informação

Containers plástico c/ pedal 1000 litros

Containers plástico para coleta seletiva, modelo cont1000c com pedal, 1000 litrosMais Informação

Carro cuba c/ tampa 430 litros

Containers plástico para coleta seletiva, modelo eco430l, carro cuba 430 litrosMais Informação

Container plásticos s/ pedal 1000 litros

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo cont1000 sem pedal, 1000 litrosMais Informação

Caixa 370 litros c/ rodas e tampa

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo eco371cr, caixa com rodas e tampa 370 litrosMais Informação

Carro coletor fibra 330 litros

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo eco901c, carro coletor fibra de vidro 330 litrosMais Informação

Contentor com pedal 120 Litros

Containers plasticos para coleta seletiva, modelo eco46120c contetor de lixo com pedal litrosMais Informação

Contentor com pedal 240 Litros

Containers plasticos para coleta seletiva, modelo eco46240c contetor de lixo com pedal litrosMais Informação

Carro cuba 180 litros

modelo cc180, carro cuba 180 litrosMais Informação

Containers plástico c/ pedal 660 litros

Containers plásticos para coleta seletiva, modelo cont700 com pedal, 660 litrosMais Informação

Carro cuba 600 litros

Modelo eco600ce, carro cuba 600 litrosMais Informação

Carro coletor c/ rodas 200 litros

Carro coletor fibra 200 litros, eco900fMais Informação

Carro cuba s/ tampa 430 litros

Carro cuba 430 litros sem tampa, eco430stMais Informação

Caixa plástica 370 litros

Caixa plástica 370 litros, eco370cxMais Informação

Definição sobre Container

Durante séculos de comércio internacional, os seus precursores, chineses, árabes e europeus, não haviam conseguido criar uma forma não só de evitar as enormes perdas no transporte com as quebras, deteriorações e desvios de mercadorias, como também de agilizar e reduzir o custo das operações de carga e descarga. Somente em 1937, o americano Malcom Mc Lean, então com pouco mais de 20 anos, motorista e dono de uma pequena empresa de caminhões, ao observar o lento embarque de fardos de algodão no porto de Nova Iorque, teve a ideia de armazená-los e transportá-los em grandes caixas de aço que pudessem, elas próprias, serem embarcadas nos navios.

Com o tempo, Mc Lean aprimorou métodos de trabalho e expansão de sua companhia, a Sea-Land (depois Maersk-Sealand), tornando-a uma das pioneiras do sistema intermodal, abrangendo transporte marítimo, fluvial, ferroviário, além de terminais portuários. Tinha surgido a contentorização.

Após inúmeras experiências nos Estados Unidos, prejudicadas pelo período da Segunda Guerra Mundial (1939/ 1945), somente em 1966 Mc Lean aventurou-se na área internacional, enviando um navio porta-contentores para a Europa. Assim, em 5 de maio daquele ano (1966) chegava ao porto de Roterdão – já o maior porto do mundo – o cargueiro adaptado “SS Fairland” da Sea Land, que ali descarregou 50 unidades. Como não havia equipamento apropriado, o desembarque foi feito com o próprio guindaste do navio, outra criação de Mc Lean.

Naquela época, um verdadeiro exército de nove mil estivadores trabalhava no grande porto holandês, vinculando a 25 empresas de serviço. Antevendo a revolução que iria ocorrer no transporte marítimo, o diretor do porto, Frans Posthuma, conseguiu a exclusividade para receber os contêineres destinados à Europa, comprometendo-se a preparar um terminal especializado para desembarcá-los. Logo depois, em 1967, cinco das empresas estivadoras que operavam no porto de Roterdão criaram a ECT, com apenas 208 empregados para atender ao crescente movimento de contêineres.
Mais sobre o assunto na fonte: Wikipédia